Home office não é uma tendência de mercado! É, na verdade, uma realidade que vem crescendo ao redor do mundo. As marcas precisam se adaptar às novas necessidades e compreender como essa transição ocorre.

Seja como uma política da empresa ou temporariamente, o trabalho à distância exige atenções especiais para garantir um retorno efetivo ao negócio. Deve ser planejado e estudado.

Dessa maneira, criamos um pequeno guia para você entender como manter a produtividade da sua empresa durante o home office. Confira.

#1 Defina uma rotina de trabalho

O primeiro passo serve tanto para quem está trabalhando em casa como para a própria empresa. Estar fora do escritório significa estar fora dos olhos dos líderes, de modo que se torna um pouco mais difícil controlar os processos.

Assim, é essencial que a empresa defina uma rotina de trabalho, delimitando regras, condutas e lista de prioridades a serem atingidas, além de indicadores de resultados que serão compartilhados com a equipe.

Quando estamos sem rotina, corremos o risco de procrastinar o essencial, de modo de que é responsabilidade do gestor garantir o bom funcionamento desse sistema.

#2 Crie um canal de comunicação

O problema da comunicação acontece mesmo dentro das empresas. Não é uma exclusividade do home office. No entanto, estando longe, torna-se um erro grave, pois dependemos que a pessoa comunique os seus passos, uma vez que não estamos do lado para saber o que está sendo feito.

Crie um canal de comunicação que garanta a integração da sua equipe de uma maneira intuitiva e eficiente. Existem no mercado sistemas especializados em comunicação empresarial, e é uma boa jogada investir nessa área.

#3 Alinhe a sua equipe

Treinamento é a palavra-chave das empresas de sucesso. Elas entendem que apenas treinando garantem a qualidade nos serviços prestados.

A realidade é que muitas pessoas não sabem trabalhar em casa, e você precisa orientá-las quanto ao uso de softwares e conexões com os outros membros da equipe.

Ainda, você precisa entender, que mesmo em casa, é sua responsabilidade garantir as condições necessárias para um colaborador desempenhar a sua função.

Desse modo, converse com a equipe e entenda as dificuldades individuais para orientá-los de maneira assertiva. Em caso de necessidade, é valido até mesmo trocar algumas funções entre os colaboradores para garantir que cumpram aquilo que estão mais familiarizados no dia a dia do escritório, reduzindo a chance de erros.

#4 Mantenha os seus colaboradores motivados

O home office esconde um pequeno entrave chamado de solidão. As pessoas deixam de conviver umas com as outras e acabam perdendo um pouco do discernimento de rotina, obrigações, e pode até se sentir menos importantes para a empresa.

É o seu papel de gestor e líder motivar a equipe, dar valor a ela e fazer com que compreenda o papel de cada um nesse momento de trabalho remoto.

Realize reuniões constantes por videochamada e estipule relatórios onde os seus colaboradores podem dar feedbacks e pedir ajuda.

As empresas que implementam o home office sentem uma grande diferença nos seus resultados. A produtividade é ampliada quando a equipe está treinada e alinhada com os objetivos do negócio.

O gestor precisa estar presente e se manter atualizado quanto às melhores técnicas do mercado.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar