Caso você faça parte de uma empresa B2B (Business to Business) e queira aprender estratégicas próprias para otimizar suas vendas, preste atenção neste artigo. Vamos ensinar 5 métricas para você aplicar hoje mesmo em seu negócio e ver essa relação prosperar.

Antes, contudo, são necessários alguns esclarecimentos do B2B.

Modelo B2B

O B2B (Business to Business) é um modelo de negócio em que o cliente final não é o consumidor, mas sim outra empresa. Então, a transação se dá, como o próprio nome diz, de empresa para empresa.

Produtos comercializados neste modelo de negócio podem ser os mais variados, indo desde matérias-primas até soluções de TI, consultorias, entre outros.

Mas como fazer para impulsionar vendas no B2B? O Marketing Digital pode ser seu grande aliado neste desafio.

Marketing Digital no B2B

Uma das características essenciais do Marketing Digital é que trabalha com métricas. São os dados que norteiam cada passo do processo e os responsáveis pela definição de estratégias a serem usadas.

E para o B2B, existem algumas métricas básicas que são necessárias você utilizar. É preciso saber exatamente o que avaliar para entender o comportamento das vendas e traçar estratégias de Marketing eficazes.

Métricas essenciais para o B2B

1. Aumentar o número de leads qualificados: não adianta o site ter acessos, se não forem feitos pelas pessoas certas. É possível determinar a quantidade de visitas únicas e múltiplas, quem são os consumidores do conteúdo e traçar estratégias para aumentar os leads;

2. Reconhecimento da Marca ou Brand Awareness: é saber o quanto o seu público-alvo reconhece sua marca. Uma pesquisa de mercado pode dar noções de como sua empresa está posicionada e o que é preciso para melhorar esse panorama ou mantê-lo;

3. Aumentar a taxa de conversão de vendas ou negócios fechados: quantos acessos do seu site se convertem em vendas ou contratação de serviços? Para se ter essa noção, é preciso estar atento e aumentar a taxa de conversão. Ela consiste em dividir o número total de vendas pelo número de acessos;

4. Taxa de retenção do cliente: mostra o quanto daqueles que já consumiram ou usaram o seu produto, voltam para novas compras. De nada adianta ter os clientes novos e não os manter. Consiste em subtrair o número de clientes novos do número final de clientes do período, dividir pelo número inicial de clientes do período e multiplicar o valor por 100;

5. Satisfação do Cliente: cliente satisfeito sempre volta e são propaganda da empresa. Existem várias maneiras de se chegar a essa métrica, como pesquisas de satisfação, análise de notas dadas ao serviço prestado e ao produto e dados do SAC, por exemplo.

Ao trabalhar cada uma delas, outras métricas são levadas em conta, como o CAC (Custo de Aquisição de Clientes) e o ROI (Retorno sobre Investimento).

Mas estas cinco citadas são um bom começo para você e sua equipe de Marketing trabalharem em seu B2B e verem resultados.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar